O poema

Por: fabiserra

jun 29 2012

Categoria: Fabiana Serra

Deixe um comentário

É um choro,

o poema,

de desaforo

ou alegria amena.

 

É uma mágoa

lembrada

de amarga

hora passada.

 

Ou de então

presente transtornado,

pequena ilusão,

amores extraviados.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: